Pelos Trilhos de Portugal-Passadiços de Esmoriz, Espinho

Pelos Trilhos de Portugal-Passadiços de Esmoriz, Espinho

Inseridos numa área protegida com mais de 400 hectares, os Passadiços de Esmoriz foram construídos na sequência de um projecto de requalificação da Barrinha de Esmoriz e da Lagoa de Paramos nos concelhos de Ovar e Espinho.

A construção deste trilho permite que os seus visitantes andem sobre a Lagoa e conheçam um grande leque de espécies que habitam na zona, através de placas informativas encontradas ao longo de todo o trajeto.

Conhecido por ser um santuário de biodiversidade, este local abriga mais de 100 espécies de aves, entre as quais a Garça-Vermelha, bem como vários vertebrados como rãs, enguias, ginetas e morcegos.

Os Passadiços de Esmoriz possuem vários pontos de entrada e podem ser divididos em três partes. A primeira é o percurso laranja, que tem aproximadamente dois quilómetros e vai do Complexo Desportivo de Esmoriz até à entrada do aeródromo. No decorrer deste trajeto, o pedestre tem uma visão sobre a Lagoa de Paramos.

O segundo percurso tem cerca de 1,5 quilómetros, sendo o mais pequeno entre os três. Intitulado de percurso azul, este tem início no Rio Lamas e vai até Praia de Paramos. Aí, o percurso volta para atrás, até à ponte sobre a lagoa.

O terceiro e último trajecto tem mais de dois quilómetros e denomina-se percurso verde. Este tem início no final da ponte sobre a lagoa, dando a volta pela Praia de Esmoriz até chegar ao Observatório de Aves.

Este itinerário tem uma distância de aproximadamente 8 quilómetros e integra a Rede Natura 2000.